Israel limita vigilância de celulares sobre coronavírus a “casos especiais”

JERUSALÉM (Reuters) – O gabinete israelense limitou no domingo o envolvimento do serviço de segurança Shin Bet no rastreamento de celulares de pessoas infectadas pelo coronavírus, dizendo que a medida será o último recurso onde a investigação epidemiológica se mostra insuficiente.
Share

Falar Agora
Estamos on-line, podemos te ajudar ?
Olá, como vai 😄 ?
Você precisa desenvolver um Aplicativo, Site, Loja Virtual ou Sistema?
Nós podemos te ajudar 👍🏻